Eugaria - Natureza, Sintra, Portugal

A Serra de Sintra é um pequeno maciço – o promontório da lua dos romanos – postado diante do oceano que sobe até aos 528 m. na Cruz Alta. Outrora domínio dos matos, a serra mudou de feição com a introdução de novas essências ao nível da flora. Hoje, em certos trechos, respira-se um ar de floresta densa a contrastar com o coberto da faixa litoral, ou da plataforma calcária de São João das Lampas. O exotismo vegetal atinge expressão maior nos parques da Pena e de Monserrate.

Falésias, arribas baixas, praias, dunas e o focinho da Rocha pautam uma orla marítima que impressiona pelo seu vigor e em que até há trilhos de pegadas de dinossáurio (praia Grande do Rodízio).

Além de inúmeros exemplos de construção erudita – o Palácio da Vila com as suas singulares chaminés é o símbolo do Parque Natural de Sintra-Cascais (PNSC) – alberga ainda, na sua área rural, curiosas manifestações de arquitetura popular.

O inegável valor cénico associado a esta Área Protegida foi reconhecido pela UNESCO ao integrar parte da serra e centro histórico de Sintra na Lista do Património Mundial com a categoria de “paisagem cultural”.

Esta zona vem sendo habitada desde os primórdios da antiguidade, sendo por isso muito apreciada por geologistas. Na Praia Grande, é possível observar uma importante trilha de pegadas de dinossauros, presentes numa camada de giz quase vertical do South Cliff e ainda nestas zonas à beira mar, podem-se observar formações fósseis notáveis e campos de pedra calcária erosionados pelo oceano. Destaque ainda para as Azenhas do Mar, uma aldeia pitoresca que se eleva num impressionante penhasco, construída com grande habilidade.

Para além da Praia Grande, existem muitas outras praias de excelente qualidade e de uma beleza deslumbrante. Nestas se incluem: Adraga, Abano, Samarra, Magoito, Praia das Maçãs ou Guincho. Para além do relaxe que podem proporcionar, são excelentes para a prática de surf, windsurf ou bodyboard.

Na serra, mais para o interior, existem algumas zonas rurais pitorescas, onde se inclui a Casa da Capela, oferta de alojamento da Sintra Houses, inserida num local, em que a Norte a paisagem é marcada por paredes de pedras secas, que separam os diferentes campos agrícolas e os protegem dos ventos marítimos (o lar do vinho de Colares) e a sul, ergue-se a encosta da serra de sintra, povoada por trilhos magníficos ao longo da imensa floresta.

A Serra de Sintra é coberta de uma vegetação luxuriante, dando origem a um microclima que a torna tão especial e contribuindo para uma natureza distinta. Os aromas frescos e variados fazem companhia aos caminheiros, tornando-se esta uma experiência inesquecível. Ao longo do Parque Natural, a riqueza dos Palácios, imponência dos Castelos, ou a singularidade de construções como o Convento dos Capuchos, surpreendem os visitantes e são pontos de visita obrigatórios. Destes se destacam ainda: Palácio da Pena, Palácio de Monserrate, Castelo dos Mouros e Quinta da Regaleira.

Fonte: www.natural.pt

Leave a Reply

You must be logged in to post a comment.